WhatsApp-Image-2019-11-14-at-17.53.14-1080x675

Quem tem melasma já costuma ter cuidados com a pele, mas saiba que no verão esses cuidados devem ser redobrados. O melasma é resultado de uma alteração na quantidade de melanina nas células da pele. Pode ser causado pela radiação UV, luz visível aumento de hormônios femininos e fatores genéticos.  Agora entramos na fase de manutenção do clareamento que você conseguiu ao longo dos últimos meses, nesse momento não se recomenda uso de ácidos, apenas clareadores leves prescritos pelo seu dermatologista!

Portanto, para manter os cuidados, deve-se:

A primeira dica é evitar a exposição solar intensa por mais de meia hora;

– Aplicar o filtro solar 30 minutos antes de se expor ao sol;

– Usar a quantidade correta de protetor para cada parte do corpo (1 colher de chá cheia para a face);

– Evitar se bronzear nos horários de pico depois das 10h e antes das 16h;

– Usar filtro solar com fator de proteção alto e com cor, principalmente na mancha;

– Na piscina ou na praia, reaplicar o protetor a cada duas horas;

– Utilize chapéus, viseiras de aba larga, bonés e óculos escuros para proteger o rosto;

– Fique à sombra do guarda-sol.

A radiação é um fator que colabora para o aumento da produção de melanina na pele. No verão, os raios solares ficam mais potentes e aproveitamos essa época do ano para ficar bronzeada, porém sabemos que a exposição solar pode escurecer mais a mancha e perdermos assim todo o resultado de meses de cuidados, por isso não se esqueça principalmente passar o protetor, se possível com cor, a base com pigmento ajudar a evitar o contato direta da luz e também não deixe de reaplicá-lo. A manutenção dos resultados do clareamento do melasma exige que se evite ao máximo tomar sol, com essa alta exposição, orientamos a suspensão de ácidos potentes (hidroquinona, ácido retinoico, glicólico), pois deixam a pele sensível a luz, assim a melanina é produzida de maneira mais acelerada, como um mecanismo de defesa da pele, o que causa a piora do melasma, além do surgimento de novas manchas.

Nesta época do ano, o dermatologista orienta uso de medicações clareadores leves, muito filtro solar e ainda antioxidantes orais como o polypodium leucotomos, pois sua ação previne os danos dos raios UV nas células da pele.

Por esse motivo, proteja-se!

Os cuidados diários com o melasma devem ser contínuos, por ser uma doença de pele crônica, muita atenção para manutenção do clareamento, principalmente no verão!